Resenha – Crop rotation

Postado por

“Todo mundo aprende em geografia que a rotação de culturas (em inglês, crop rotation) traz diversos benefícios para o solo. Porém, ninguém nunca imaginou que essa ideia pudesse ser tão divertida! No jogo Crop Rotation você irá cultivar três diferentes tipos de cultura e, para ganhar, precisa conseguir colher mais do que seus adversários.” – Manual

crop_capa1

Crop Rotation é a primeira aparição do novato Eduardo Guerra que possui vários outros jogos já em busca de produção parte de editoras e empresas interessadas. Eduardo Guerra realizou uma parceria com o estúdio também brasileiro Teia de Jogos para produzir a versão PnP (print and play) do seu jogo com a arte de Jonatas Bermudes.

Mecânicas
– Colocação de peças
– Reconhecimento de padrão
– Rolagem de dados

No jogo, o objetivo de cada jogador é completar um número pré-determinado de cartas de objetivos de acordo com o número de jogadores antes dos oponentes. Crop Rotation é um jogo bem simples, um filler que pode ser usado também para ensinar sobre o plantio alternado para beneficiar o solo, além de jogar para se divertir.

Por ser um jogo brasileiro e já em formato para impressão eu busquei ajuda dos profissionais do Rio de Janeiro da empresa Game Maker, que fez uma impressão profissional do jogo com excelente qualidade.

crop_componentes1
Impressão da Game Maker e componentes de plástico da Ludeka

No título cada jogador na sua vez rola o dado para verificar qual ação será feita naquele turno, realiza aquela ação e passa a vez. As ações vão desde “plantar” o que o jogo traz (milho, feijão e soja), trocar uma filha “plantada”, remover uma ficha e escolher qualquer uma das ações existentes através de uma “ação coringa”.

Ao completar a ação, então é o momento de observar as cartas de objetivo. Se um objetivo for completado com sucesso, então a carta se torna 1 ponto. Se não, o jogo continua. É possível completar objetivos no turno dos outros jogadores também.

crop_objetivo1
Exemplo de objetivo cumprido

Ainda existem formas de se conseguir mais cartas e retirar todas as culturas de um determinado tipo do tabuleiro. De acordo com o número de jogadores, a partida com um valor pré-determinado de pontos.

Considerações finais
O principal ponto a ser levado em consideração em Crop Rotation é que tudo cabe em pouquíssimas páginas no arquivo de PnP. Este é um arquivo pequeno que possui as cartas, componentes, tabuleiro e ainda um dado personalizado! Com as fichas plásticas também de ótima qualidade da Ludeka e também o cubo plástico, vale muito a pena imprimir as folhas de componentes em papel adesivo para colar nos componentes e ter um jogo lindo no final de tudo.

crop_fichas1
Fichas de plástico da Ludeka e de papel da Game Maker

Crop Rotation é um filler bem simples. Muito simples mesmo! Ainda assim não perde seu charme. Utiliza a mecânica de colocação de peças, tão conhecida a partir de Carcassonne, porém sem a sensação de estar jogando o mesmo.

Para um jogador mais “heavy gamer”, este é um filler que certamente não vai agradar. Basicamente você rola o dado, realiza a ação do resultado do dado e passa a vez. Porém, é perfeitamente possível verificar que o jogo se encaixa exatamente em desafiar a capacidade de realizar objetivos sob qualquer orientação da carta (menos espelhada) e também como introdução aos jogos mais pesados de forma geral.

O trabalho de design do jogo aliado à arte chama a atenção de quem está de fora  da partida. O jogo é bem equilibrado e funciona para 2, 3 ou 4 jogadores perfeitamente.

Uma expansão ao jogo seria o ideal para “apimentar”o mesmo e o tornar não somente um filler, mas também um jogo de estratégia leve que traga mais desafios aos jogadores veteranos e atinja mais um público. Ao conversar com o autor, o mesmo pretende lançar uma expansão no futuro.

Para o meu primeiro jogo no formato PnP foi uma excelente escolha!

Pontos positivos
– Criação brasileira com qualidade no jogo, arte e design
– Fácil de aprender, ensinar e jogar, com partidas rápidas
– Funciona bem com 2, 3 ou 4 jogadores
– Boa interação entre os jogadores no momento de cumprir os objetivos

Pontos negativos
– Merece uma expansão opcional para aumentar o conteúdo
– Jogo leve o que pode não agradar aos “heavy gamers”
– Essencialmente envolve sorte